Pobres Mulheres!

O que assistimos diariamente sobre maltrato e violência contra mulheres é de arrepiar. Aparecem Expert falando isso e aquilo e nada se resolve. O que sabemos na realidade é que cada caso diferencia de outro. Mas o que caracteriza muito o fato de as mulheres enfrentarem todo tipo de violência dos seus maridos, companheiros, ou seja lá o que for, é quando elas são totalmente dependentes deles, não terem qualquer apoio da família e nem tampouco do governo e ou autoridades que fazem muita lambança e dizem que fazem alguma coisa, mas na prática não fazem nada. Porque garantia de vida de verdade, é papo furado. Não vou aqui deixar em branco o fato de que existem muitas mulheres que criam problemas com seus pares. Às vezes ciúmes desnecessários, intriga por coisas banais, e assim por diante.
Facilita os entendimentos quando ambos trabalham e dividem as responsabilidades. E nesse caso a grande vantagem é que em havendo descontentamento de uma das partes, o descontente tira o corpo, procura outro rumo em sua vida. Mas para isso, no caso da mulher, precisa de coragem para trabalhar, oportunidade de emprego e ou até mesmo procurar se estabelecer profissionalmente como autônoma.
Sem duvidas que não só algumas mulheres complicam a convivência com seus pares, como grande parte delas também os maltratam com no mínimo palavras de subserviência, mas entendo perfeitamente que muitos deles são malvados, crápulas e covardes.

admin

Aposentado, com residência fixa em Salvador/Bahia, tem como hobby colecionar filmes antigos e também músicas antigas, gosta de ler e escrever, colocando em prática os seus pensamentos de forma crítica, teórica e sugestiva. Se é obrigado a votar, tem o direito de tecer comentários sobre os acontecimentos do dia a dia em seu País, visto que “quem não exerce seus direitos não é digno deles “(Rui Barbosa) .

Website: http://Blogdomendes.com

Fale alguma coisa... é importante.